Mostrando postagens com marcador Arquitetura. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Arquitetura. Mostrar todas as postagens

18 de setembro de 2010

O ideal de Gropius


Walter Gropius House, Lincoln MA (1938)
Por Walter Gropius

Juntos, desejemos, concebamos e criemos a nova estrutura do futuro, a qual abrangerá a arquitetura, escultura e a pintura numa unidade; um dia, esta se levantará em direção aos céus brotando das mãos de milhões de trabalhadores como o símbolo mais belo de uma nova fé.

GROPIUS, Walter. "Programme of the staatliches Bauhaus in Weimar" (1979)
in: Programmes and manifestoes on twentieh-century archieture,
editado por Ulrich Conrads, trad. Michael Bullock
(London, Lund Humphries, 1970), p. 25

22 de maio de 2010

Wittenberg, Saxônia-Anhalt: Alemanha

Essa é a igreja de Wittenberg, localizada no estado de Saxônia-Anhalt na Alemanha. Onde Martin Luther (Martinho Lutero), fixou as 95 teses no dia 31 de Outubro de 1517, Assim dando inicio a reforma Protestante. Mas, Lutero foi apenas uma voz que representou o sentimento de muitos que antes dele já haviam tentado: John Hus, Wycliffe, Isabel e outros.

21 de maio de 2010

Abadia de Westminster, Inglaterra

Na Abadia de Westminster o puritanismo calvinista obteve uma vitória temporária na Inglaterra, e a monarquia foi abolida. Durante algum tempo houve uma forte atitude antiepiscopal. Um dos resultados de tudo isso foi a Confissão de Fé de Westminster, cujo o intuito era substituir os Trinta e Nove Artigos. Essas condições, entretanto, não foram permanentes, e assim retornaram tanto a tradicional Igreja Anglicana quanto a Monarquia. Mas se aquelas condições temporárias se tivessem tornado permanentes, então a Igreja da Inglaterra, hoje em dia, seria presbiteriana, não Anglicana. O trabalho se efetuou (com algumas interrupções) entre Julho de 1645 e dezembro de 1646.

Fonte: CHAMPLIN, R. N. Enciclopédia de Bíblia, Teologia e Filosofia. Vol. 6. p. 695.

Universidade de Alcalá, Espanha.

Por Justo l. Gonzalez

A Universidade de Alcalá, iniciada em 1498, não teve seu término senão em 1598, depois da morte de Isabel. Seu nome original era Colégio Maior de São Ildefonso. O propósito era que aquele centro docente se tornasse o núcleo de uma grande reforma da igreja e da vida civil espanhola. E esse sonho se cumpriu, pois entre os que estudaram no famoso plantel se encontram Miguel de Cervantes, Inácio de Loyola e João Valdez.