16 de janeiro de 2017

Dez Medidas Urgentes para o sistema penitenciário brasileiro.

A Conectas Direitos Humanos, uma organização não governamental internacional, sem fins lucrativos, fundada em setembro de 2001 em São Paulo – Brasil e que  desde de janeiro de 2006, possui status consultivo junto à Organização das Nações Unidas (ONU) e, desde maio de 2009, dispõe de status de observador na Comissão Africana de Direitos Humanos e dos Povos,  que tem como missão promover a efetivação dos direitos humanos e do Estado Democrático de Direito, no Sul Global – África, América Latina e Ásia. Após os recentes massacres no sistema penitenciários brasileiro apresentou um documento que consta com 10 medidas urgentes para o sistema prisional. O documento resume propostas pelas quais a organização vem trabalhando para tornar o sistema mais humano e são propostas para mudanças estruturais na política penitenciária brasileira. Para a Conectas, “enquanto o Estado não encarar com seriedade sua política de encarceramento em massa, as prisões continuarão sendo um dos principais focos de violações do país”. Confira as dez medidas aqui: 10 Medidas Urgentes.
Fonte: Empório do Direito. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário