5 de maio de 2015

Ore e trabalhe.

João Falcão Sobrinho

Conheci um pastor em Huston, Texas, que assumiu o pastorado de uma igreja que estava morrendo. Os poucos remanescentes estavam discutindo o que fazer com o imenso patrimônio ocioso da comunidade. O estacionamento estava alugado para um shopping e essa renda cobria todas as despesas da igreja. Esse pastor arregaçou as mangas e começou a trabalhar. Pediu que não o chamassem de pastor nem de pregador, mas de treinador (coach). Começou a treinar os membros pessoalmente para evangelizar. Cada pessoa treinada passava a treinar outros. começou com dois casais, na semana seguinte eram quatro, três semanas depois oito, dezesseis, trinta e dois, sessenta e quatro e foi dobrando o número de casais treinados. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário