27 de outubro de 2011

O Evangelho genuíno


Por Job. Nascimento

Jesus pregava que nós devíamos nascer de novo, ou seja, mudança completa de vida. Hoje, vemos muitos cristãos defeituosos porque nasceram com deficiências ou anomalias. Mas, como pode o evangelho genuíno gerar cristãos deficientes? É que o evangelho pregado não foi o verdadeiro evangelho ou o evangelho genuíno não foi pregado e assimilado na sua totalidade. O evangelho que gera cristãos defeituosos de caráter, moral, conduta e espiritualidade, não é capaz de transformar vidas. É capaz de conceber, mas não consegue dar vida plena, este cristão não vive, vegeta na esperança de que se conseguirem mais seguidores recebam algo capaz de mudar sua vida. Estes cristãos ainda andam com sede, carregam cântaros para encherem de água, mas que não é capaz de matar sua sede. Mas, Jesus disse: quem tem sede venha a mim e beba da água da vida. Quem beber desta água nunca mais terá sede, o vazio existente no ser desaparecerá carregado pelas correntes desta água da vida. Não precisarão mais carregar cântaros, pois dentro deles fluirão rios de água viva, as anomalias existentes em seu ser (caráter) se dissipará assim como o sol dissipa a névoa, se beberem desta água que só Jesus pode dar, pois o poço que a contém pertence a Ele. Essa água será capaz de dar vida a pessoas mortas: Ao cheiro das águas florescerá, e os que vegetam poderão receber novamente a vida. Se o leitor julga-se que vegeta, eu o convido a beber desta água que Jesus dá de graça, basta apenas Ter sede: Quem tem sede venha a mim e  beba.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário