21 de maio de 2010

Abadia de Westminster, Inglaterra

Na Abadia de Westminster o puritanismo calvinista obteve uma vitória temporária na Inglaterra, e a monarquia foi abolida. Durante algum tempo houve uma forte atitude antiepiscopal. Um dos resultados de tudo isso foi a Confissão de Fé de Westminster, cujo o intuito era substituir os Trinta e Nove Artigos. Essas condições, entretanto, não foram permanentes, e assim retornaram tanto a tradicional Igreja Anglicana quanto a Monarquia. Mas se aquelas condições temporárias se tivessem tornado permanentes, então a Igreja da Inglaterra, hoje em dia, seria presbiteriana, não Anglicana. O trabalho se efetuou (com algumas interrupções) entre Julho de 1645 e dezembro de 1646.

Fonte: CHAMPLIN, R. N. Enciclopédia de Bíblia, Teologia e Filosofia. Vol. 6. p. 695.

Nenhum comentário:

Postar um comentário